Viver em São Paulo Especial Pandemia

O que pensam os paulistanos(as) sobre a vida em São Paulo durante a pandemia?
Lançamos o terceiro levantamento da pesquisa Viver em São Paulo: Especial Pandemia, uma parceria da Rede Nossa São Paulo com o IBOPE Inteligência. Os dados mostram que há um receio de uma segunda onda de casos, que traria a volta do isolamento social e a permanência do desemprego e recessão por vários anos; além de críticas contra a volta às aulas presenciais em setembro.

A pesquisa sobre a experiência da pandemia de coronavírus e do isolamento social foi feita entre os internautas das classes A, B e C da capital paulista.

Não conviver com familiares e amigos por mais tempo, não conseguir atendimento médico para doenças não relacionadas ao coronavírus e o desemprego e recessão continuarem por vários anos são outras das preocupações que pairam pela mente dos paulistanos e paulistanas. 36% têm como maior medo uma segunda onda de contágio e o retorno ao isolamento social.

O governo do Estado de SP prevê a volta às aulas presenciais a partir do dia 8 de setembro nas áreas e municípios que estejam na fase amarela, mas 63% dos nossos entrevistados e entrevistadas são contra essa retomada. Confira estes e outro resultados

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.