As pesquisas não devem acertar

img

Foi uma reviravolta. Após ultrapassar a ex-senadora Marina Silva na reta final do primeiro turno, o senador Aécio Neves disparava na disputa pelo Palácio do Planalto contra a presidenta Dilma Rousseff, em 2014. Era o que apontava a primeira pesquisa sobre o cenário do segundo turno. Mas os 54% de intenções de voto do tucano contra os 46% de Dilma aferidos pelo instituto Paraná Pesquisas a pedido da revista Época se transformariam em empate técnico logo no dia seguinte, na contagem dos institutos Ibope e Datafolha. A mudança brusca de expectativas deixou dúvidas sobre a lisura dos institutos e, se você está entre aqueles que enxergam motivações escusas na divulgação dessas pesquisas, prepare-se: variações como essa prometem ser ainda mais intensas nas eleições deste ano, avisam os institutos.

Matéria completa aqui…

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.