Boo-box é vendida


boo-box-venda

Empresa foi adquirida pela FTPI Digital (Imagem: Divulgação)

A Boo-box, empresa especializada em tecnologia para publicidade e mídias sociais, foi vendida para a FTPI Digital, companhia que comercializa mídia em sites verticais, como Spotify, Jovem Nerd, Catraca Livre, Sensacionalista e Brainstorm9. Com a união, as empresas prometem oferecer conteúdos premium, tecnologia, alcance e formatos exclusivos de publicidade.

Segundo comunicado oficial, as negociações foram facilitadas pela parceria entre as companhias, iniciada há três anos. Sócio da FTPI Digital, Guga Mafra afirma que o acordo prevê a continuidade e a característica inovadora da marca Boo-box.

“Vamos permanecer oferecendo todos os serviços de ambas as empresas, investir na ampliação e queremos agregar novos produtos ao portfólio. Desde já, a Boo-box passa a cuidar da plataforma de mídia programática da FTPI Digital. E temos planos de levar essa tecnologia também para o meio offline. A FTPI, que deu origem à FTPI Digital, é líder no mercado de rádio e mídia regional e vamos começar a explorar imediatamente as possibilidades nessa área”, declara Mafra.

Desde 2007, a Boo-box trabalha para o fortalecimento do mercado de publicidade em blogs e redes sociais e possui rede de mais de 700 mil sites, atingindo 63 milhões de usuários no Brasil. Fundada por Marco Gomes, a empresa iniciou suas operações após receber capital de US$ 300 mil da Monashees Capital, hoje Monashees+.

“Ajudamos o conteúdo independente no Brasil a se tornar mais profissional, com alta reputação, além de criar cases, inclusive contando com 2 Leões no Festival de Cannes. Acreditamos que a Boo-box é protagonista nessa evolução. Atualmente, apoiamos o crescimento de mais de 700 mil sites, distribuindo milhões de reais por ano para dezenas de milhares de produtores de conteúdo independente”, diz Gomes.

Considerada uma das cinco empresas de publicidade mais inovadoras do mundo pela revista norte-americana Fast Company e uma das duas mais inovadoras do Brasil, segundo a Forbes, o trabalho com a companhia rendeu ao fundador o título de melhor profissional de marketing pela World Tecnology Network em 2013.

A decisão pela venda da empresa ocorre devido ao desejo de Gomes de tocar novo desafio: a startup Mova Mais, programa de benefícios para praticantes de atividades físicas. “Considero a Boo-box missão cumprida para mim, mas a empresa continua mais forte que nunca com os novos controladores. A negociação da empresa é a consequência de trabalho bem feito. Criação, crescimento, consolidação e venda são partes da história das melhores startups de tecnologia”, finaliza Gomes.

Fonte: Portal Comunique-se

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s