Scoop une pesquisa e consultoria


Scoop une pesquisa e consultoria para chegar a resultados mais eficazes

Agência chega com funcionalidades para auxiliar no processo de criação das marcas

“Nós observávamos o mercado de pesquisa e, além de faltar inovação, achávamos que faltava assertividade”, explica o executivo Caio Casseb. Foi com essa crítica ao seu meio que ele se juntou a Daniela Baronni e Alessandra Garrido para fundar a Scoop & Co. O objetivo da agência é não se limitar à pesquisa: “Nós queremos chegar em uma resposta bem prática, que o cliente possa usar”, disse Casseb.

 

O executivo explica que os times mais enxutos e o tempo limitado fez com que a demanda pela praticidade oferecida pela sua agência crescesse. “É uma busca por eficiência”, conceitua. “As empresas precisam não apenas saber o que o consumidor acha, como também de alguma resposta que possa impactar o mercado amanhã. Nós oferecemos um resultado mais ativo, que ouve o que o consumidor está pensando e conecta com o que pode ser um novo produto, uma nova campanha, uma mudança de estratégia. Unir a pesquisa de mercado com consultoria de marketing é uma evolução”.

 

Uma das armas que a Scoop & Co tem em seu arsenal é trazer o cliente para o centro do processo de criação no Co-Creation, serviço que Casseb define como o mais inovador oferecido pela sua agência. “Ele inverte o processo tradicional de pesquisa. Nós colocamos o cliente em uma sala com funcionários, e não há hierarquia entre ele e o gerente de marketing, por exemplo”, explica. “Isso faz com que as ideias nasçam com uma predisposição para dar certo, porque o consumidor só cria o que ele acredita. No processo comum, se o consumidor bomba a sua ideia no fim, você perdeu todo o seu trabalho”. Com pequenos grupos de trabalho funciona outro serviço da Scoop & Co que também traz o consumidor para criar: o La Macchina. Nele, o objetivo é criar maneiras diferentes de comunicar um produto que já exista.

 

Já com o Explorations, a Scoop & Co combina metodologias diferentes para entender determinado assunto. “O mercado geralmente é muito quadrado, dividido em ‘só faço pesquisa on-line’ ou ‘só faço com grupos de discussão’. Não acreditamos que tenha uma separação entre on-line e off-line, nem no consumo nem para explorar os temas. Os trabalhos saem muito mais legais se nós escolhemos tecnologias que combinam com o consumidor”, explica Casseb. Ele também destaca o Scoop na Rua: “Nós ficamos antenados em temas que estão em voga, chamamos nossos clientes e vamos vivenciar esse tema ao vivo”, ele define. “É um jeito de ter um choque de realidade”.

 

No Inspire e Innovate, a agência trabalha com o time interno das marcas como uma metodologia própria. “Nós fazemos workshops e realizamos esse trabalho a partir de referências do mundo inteiro”, explica Casseb. É o serviço mais convencional da Scoop & Co. “Nós reunimos uma explosão de referências e pessoas de áreas diferentes da empresa para que eles, juntos, possam criar uma ideia de produto em um ambiente inspirador”.

 

Fonte: Proxxima

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s